Saúde Bem Estar

10 superalimentos para combater as alergias

Um dos motivos de consultas ao médico são recorrentes alergias. Este problema de saúde é uma resposta inflamatória do sistema imunológico a algumas substâncias do ambiente como, por exemplo, o pó, o pólen, a animais de estimação, alguns alimentos, ou a insetos, entre outros.

Atualmente, o número de pessoas que sofrem de alergias e intolerâncias alimentares está aumentando, entre outras razões, graças à indústria da alimentação, já que adicionados aos alimentos diferentes produtos que são tóxicos para o nosso corpo, especialmente a longo prazo. A poluição ambiental também é um fator de risco para adquirir novas alergias.

Os alimentos podem desempenhar um papel muito importante a favor ou contra o nosso sistema imunológico. Se consumimos alimentos que nos fortaleçam, podemos ajudar a reduzir os efeitos das alergias e as intolerâncias em nosso organismo.

Para prevenir a alergia, o melhor é cuidar da saúde do seu sistema digestivo, através dos produtos que consome. Desta forma, ajuda a seu fígado e melhorias em seu sistema imunológico.

Em seguida, apresentamos-lhe 10 superalimentos que ajudam a combater as alergias melhorando a sua saúde.

Maçãs

As maçãs contêm o flavonóide mais abundante da dieta humana, trata-se da quercetina. Este flavonóide ajuda a fortalecer o sistema imunológico, atuando como um antibiótico natural e protegendo o corpo de possíveis reações alérgicas.

Além disso, as maçãs possuem um alto conteúdo de vitaminas e minerais antioxidantes, como a vitamina C. Seu teor em fibra ajuda a manter a sua flora intestinal, sendo também um grande aliado para enfrentar o inverno.

Leia também:  10 tratamentos naturais contra o herpes labial

Cúrcuma

A cúrcuma é uma especiaria com múltiplos benefícios para a saúde, entre outras coisas, contém grande quantidade de vitaminas (C, E E do grupo B,…), assim como de minerais como o manganês ou de ferro.

No entanto, se há algo que é superior a cúrcuma, é o seu ingrediente ativo, a curcumina. Este poderoso antioxidante tem também uma ação anti-inflamatória e ajuda a prevenir o envelhecimento celular.

Como consumi-la para evitar alergias

Para usá-lo, você pode misturar em um copo com água morna e limão, uma colher de chá de cúrcuma. Para ajudar a ser absorvida pelo seu organismo, você pode adicionar a mistura um pouco de pimenta em pó. Esta é uma bebida muito conveniente para tomar a primeira hora da manhã, antes de consumir outros alimentos.

Alho

O alho sempre foi popularmente considerado como um antibiótico natural, e não sem razão. É um dos alimentos mais benéficos para o nosso sistema imunitário. Graças ao seu composto chamado alicina, o alho nos fornece qualidades antioxidantes, antibióticas e anti-inflamatórias.

Entre algumas de suas propriedades, o alho também contém vitamina C, vitaminas do grupo B, manganês, selênio e fibras.

Consome alho para evitar possíveis alergias

A melhor maneira de aproveitar todos os benefícios do alho para o seu sistema imunitário é consumi-lo cru. Você pode preparar uma torrada de pão integral, e adicionar o alho picado, o azeite e o tomate. Ou você pode preparar uma salada de alho, tomate e pimentas.

Limão

É um dos fortalecedores do sistema imunológico mais poderosos do que podemos encontrar. Este cítrico, rico em vitamina C e antioxidantes, é ideal para prevenir e combater as alergias de forma natural.

Além disso, o limão também ajuda a equilibrar o pH do corpo, sendo um alimento alcalinizante que neutraliza o excesso de ácidos no estômago e prevenindo o desenvolvimento de doenças nesse meio ácido.

Leia também:  3 dicas para combater o problema da fadiga mental

Cebola

Assim como o alho, as cebolas também possuem propriedades antibióticas e anti-inflamatórias que podem ajudar a prevenir e a combater as reações alérgicas. E, assim como as maçãs, contém quercetina, muito saudável para fortalecer o sistema imunológico.

Em relação às vitaminas e minerais de a cebola, contém boas doses de vitamina C, potássio, cálcio e fósforo.

Salmão

Além de seus benefícios para a saúde ocular e o sistema cognitivo, o salmão é uma fonte de ácidos graxos ômega 3, que ajuda a combater a inflamação do corpo e melhora a saúde pulmonar. Por outro lado, o salmão ajuda na produção de tecido nas cartilagens.

Sementes de linho

As sementes de linho são a maior fonte vegetal de ácidos gordos ômega 3, que são fundamentais para combater as alergias. Além disso, contém selênio, que ajuda a aumentar a ação dos antioxidantes para fortalecer o sistema imunológico. Este alimento ajuda a reduzir a inflamação e, graças a isso evita as reações alérgicas.

Como consumir as sementes de linho

As sementes de linhaça pode ser consumida em saladas, iogurte, leite ou sucos naturais, entre outros. O ideal é conseguir sementes de linhaça moídas, já que as inteiras são mais difíceis de digerir.

Chá verde

Um composto do chá verde conhecido como epigalocatequina de galato (EGCG) tem a capacidade de bloquear um receptor que está envolvido na produção da resposta alérgica. Também tem propriedades anti-inflamatórias e uma grande quantidade de antioxidantes, que previnem doenças e fortalecem o sistema imunológico.

Gengibre

A raiz de gengibre é conhecido por suas inúmeras propriedades medicinais, que se devem a seu poder anti-inflamatório e antibiótico. É bom para manter a flora intestinal, ajuda a transpiração em tratamentos de constipações e gripes, e é um bom estímulo para a circulação de seu sangue.

Leia também:  10 razões pelas quais todos deveriam evitar o consumo de refrigerantes

O gengibre é um antioxidante cheio de vitaminas, como a vitamina C, que nos fortalece contra as alergias e problemas respiratórios.

Prepara 2 xícaras de chá de gengibre por dia para combater as alergias e reforçar o seu sistema imunitário.

Inhame ou batata-doce

Este poderoso alimento tem uma importante concentração de beta-caroteno, manganês, potássio e vitamina B. Graças a essas propriedades se transforma em um poderoso alimento para combater as alergias e fortalecer o sistema imunológico.

error: Esse conteúdo é Protegido